terça-feira, 10 de abril de 2012

Mais que um prêmio de Mega Sena

Era domingo de Páscoa, tinha passado o final de semana prolongado com a família e estava voltando para Maringá. Já passava das 19h quando peguei a estrada. Nos primeiros minutos da viagem, o trânsito parecia tranquilo.
Até então, nem parecia que era volta de feriadão. Até que entrei na pista dupla. Sabe aquelas placas que avisam que o pedágio está a 2 quilômetros? A fila de carros estava começando ali. Sempre quando estamos em uma fila, que não é única, parece que a do lado sempre anda mais rápido.
Estava com essa sensação. Até que alguns minutos e músicas depois, passei para a fila ao lado. Nesse meio tempo, já arquitetava esse post. Nunca tinha visto tanto carro naquela estrada.
Realmente, a fila para qual mudei andava mais rápido. Fui indo, paguei o pedágio e escrevendo o texto na minha cabeça.
Sempre vemos reportagens apontando o crescimento na venda de carros, aumento na frota, mais carros emplacados por mês. E ali estava o resultado disso. Muitos e muitos carros passando e deixando, naquela cabine, R$ 5,80.
Multiplique pelo número de carros que passou durante todo o final de semana e teremos, aí, algo parecido com o maior prêmio já pago pela Mega Sena.

Nenhum comentário:

Postar um comentário