quinta-feira, 7 de julho de 2011

Um sabonete pode fazer a diferença

Hoje vou utilizar esse espaço para fazer algumas considerações sobre dois projetos em que eu e mais alguns colegas estamos trabalhando. Os projetos já aconteciam sob realização do SESI Maringá, (SESI Atleta do Futuro) mas, para uma "competição", as professoras pediram ajuda aos alunos do Cesumar.
Teríamos que produzir um documentário sobre os projetos. Abraçamos a causa. Fomos desbravando as temáticas e nos deparamos com uma situação que não esperávamos, em um dos projetos. Crianças de Sarandi, cidade vizinha de Maringá, estavam envolvidas em um dos trabalhos.
No PETI (Programa de Erradicação do Trabalho Infantil), nos deparamos com a tal "condição de extrema pobreza". Meninos e meninas, que não tiram o sorriso do rosto, mas não têm uma escova de dentes, uma pasta de dentes, um sabonete e nem sequer uma escova de cabelo.
Além do documentário, seria produzida uma campanha publicitária, tudo feito pelos alunos de Comunicação Social. A proposta é arrecadar o máximo de produtos de higiene para essas crianças. A divulgação na mídia foi e está sendo fundamental.
Programas televisivos, radiofônicos e jornais impressos e online estão ajudando na campanha. São produtos básicos, que são deixados de lado para usar o pouco dinheiro que têm para se alimentar. No dia 27 deste mês, serão apresentados os resultados e os documentários.
As doações podem ser feitas no SESI de Maringá.
A experiência pela qual estamos passando é única. Fortes emoções deixadas para o último ano do curso. Além disso, o trabalho está provando que alunos de Jornalismo e Publicidade podem, sim, ser grandes parceiros.

Nenhum comentário:

Postar um comentário