terça-feira, 15 de fevereiro de 2011

Doar sangue é um ato de amor

Não dói, não demora, é altamente necessário, alguém precisa urgente de você! Essa é a frase de uma campanha de doação de sangue produzida com apoio da Faculdade Casper Líbero. Não é um ou outro vídeo que podemos encontrar no Youtube sobre campanhas de doação de sangue. São inúmeros.
Eu, como doador, posso dizer: realmente não dói nada, não é perigoso e não demora. E tem mais, ao final o doador recebe um lanchinho. No dia 25 de novembro é comemorado o dia do doador, e, como tenho o tipo sanguíneo O negativo (doador universal), sou um "privilegiado".
Na data, recebi um certificado de Doador Sangue Azul, que está na imagem ao lado. Tenho a carteirinha de doador no Hemonúcleo de Apucarana e diversas camisetas de campanhas.
Mas a postagem de hoje não é para falar de mim.
Milhares de acidentes acontecem diariamente no país. Muitos desses com feridos que utilizam sangue dos bancos públicos. Para abastecer os estoques, é necessária a contribuição de uma parcela da população. O problema é que essa parcela não é grande.
Acho que as empresas poderiam incentivar seus funcionários a doarem sangue duas vezes por ano. Um mutirão a cada semestre. Algumas cidades contam com um serviço móvel de coleta que vai até o local, caso necessário.
É uma atitude tão simples e tão generosa. Se você tem entre 18 e 65 anos e pesa mais 50 kg, procure um Hemocentro. Eu garanto que você vai se sentir bem melhor depois que fizer isso.

PS: Para quem é aluno Cesumar, nesta terça-feira (15), na clínica de fisioterapia, haverá cadastro de doador de medula óssea. Já na quinta e na sexta-feira (17 e 18), coleta sangue. Esse é o trote da instituição. Trote Solidário!

Um comentário:

  1. Eu tbm sou doadora de sangue e garanto que não dói (muito) rs... não demora, e é super gratificante poder ajudar alguém que precisa. Portanto, fica a dica ;)

    ResponderExcluir